segunda-feira, 7 de janeiro de 2019

Ainda vale a pena comprar um Windows Phone?

Vejo muito internet afora pessoas vendendo Windows Phone e acredito que muitos devem se perguntar se ainda vale a pena ter um sendo que a Microsoft descontinuou a versão 8.1 do sistema ainda em 2017 - até então a mais usada. 

Atualmente tenho um Microsoft Lumia 435, o mesmo da foto ao lado, e posso dizer com embasamento que dependendo do uso que fará do aparelho o Windows Phone ainda pode ser útil, principalmente para aquelas pessoas que não querem fazer nada além de ligações, redes sociais (Facebook, WhatsApp, VK, Twitter, Telegram, E-mail) e navegação na internet. Esses aplicativos que citei todos estão disponível na central do Windows Phone 10 e ainda podem ser acessados normalmente. 


Afinal, ainda vale a pena ter um Windows Phone?

Por ser um sistema não tão utilizado, sobretudo após as notícias que saíram por parte da Microsoft, o Windows Phone acabou perdendo muito valor. De um modo geral os aparelhos já tinham um excelente custo benefício, agora então...estão praticamente de graça. Vejo muito naqueles grupos de Facebook muitos vendendo aparelhos simplesmente para desfazerem-se. 

Por serem aparelhos desenvolvidos especificamente para rodarem o Windows Phone, o desempenho dos aparelhos acaba sendo bem legal comparando com os aparelhos com Android NA MESMA FAIXA DE PREÇO. Para atividades mais básicas, um Lumia 435 hoje ainda pode ser muito útil. Para muita gente basta ter o WhatsApp, e bom, ele tem e funciona muito bem.

A principal precaução antes de comprar um é atentar-se para a disponibilidade do Windows Phone 10 para o aparelho. Como disse anteriormente, a versão 8.1 do sistema foi descontinuada ainda em 2017 por parte da Microsoft. A versão 10 atualmente ainda está recebendo suporte - até pouco tempo atrás chegou atualização para o meu aparelho. A lista dos aparelhos capacitados a receber a versão 10 do sistema:

Lumia 430, Lumia 435, Lumia 532, Lumia 535, Lumia 540, Lumia 640, Lumia, 640 XL, Lumia 735, Lumia 830, Lumia 930

A principal dificuldade para os usuários de Windows Phone é com relação aos serviços do Google. Não existe aplicativo do YouTube para o sistema, por exemplo. Então para usuários que vêm do Android e quer pegar um Windows Phone pode ser frustrante o primeiro uso. No entanto basta adaptar-se às ferramentas não oficiais que muitas vezes estão disponível na central de aplicativos - no caso do Youtube existe o Mytube - ou usar versões web dos serviços. Ao menos o Microsoft Edge ainda funciona muito bem e a grande maioria dos sites funcionam sem maiores problemas.


Valeu pessoal, até a próxima!!!
Compartilhe: