quarta-feira, 2 de janeiro de 2019

Não aposte na Mega-Sena

2019 começou e muitos já iniciaram o ano lamentando-se por não terem feito parte dos 52 ganhadores da Mega da Virada. É justamente no último sorteio do ano que mais pessoas apostam com a esperança de começar o ano novo milionárias. O que não percebem é que ao invés de ficarem ricas, estão na verdade contribuindo com o roubo estatal, que em todos os casos fatura mais do que o cara que acerta os seis números.  
Muitos criticam a Mega-Sena usando como justificativa a baixíssima chance de ganhar. Na aposta mais simples, é uma chance em 50 milhões. De fato a matemática não está do lado do apostador, mas esse não é de fato o problema maior em apostar em jogos do tipo. 
Na Mega-Sena da virada de 2017 foram arrecadados aproximadamente 900 milhões em apostas. Desses, 500 milhões ficaram nos bolsos do governo e a migalha, 306 milhões, foram para os ganhadores. Isso lembra muito aquele meme do Pica-Pau: 


A Mega-Sena é na realidade uma espécie de imposto voluntário. Como se já não bastasse o quanto de imposto já pagamos em tudo que consumimos, muitos - inclusive eu até recentemente - contribuem com o estado dando uma parte insignificante do salário mas que ao longo do tempo pode ser muito mais prejudicial. Ao invés de pagar 3,50 em uma aposta simples e torcer para que a improbabilidade esteja do seu lado, por que não pegar esse trocado e comprar alguma criptomoeda que tenha uma tecnologia promissora? A Nano, por exemplo, no momento que escrevo este texto está custando algo em torno de R$ 3,60 e no começo de 2018 já chegou a custar 37 dólares. As chances de alguma criptomoeda ter valorizações absurdas aos moldes do que aconteceu no final de 2017 é estupidamente muito maior do que acertar seis números da Mega. 

Aliado a isso que disse acima, existe também o problema de mentalidade que jogos do tipo trazem consigo. A ideia de ganhar muito sem ter que produzir absolutamente nada é muito tentadora. Parando para analisar, essa mentalidade acaba de certa forma alimentando a ideia que podemos ter muito sem produzir nada - e na realidade, na maioria dos casos isso não acontece. Não tô falando que os ganhadores da mega não merecem o que ganham, o que quis dizer é que na maioria dos casos a mentalidade de poder ter muito sem produzir nada é de certa forma prejudicial.

Se mesmo sabendo das chances mínimas de jogos do tipo pretende continuar apostando, bom, que ao menos o faça em loterias mais transparentes. Não continue contribuindo com o roubo estatal descarado que aproveita-se dos mais pobres - que são sempre os que mais apostam com a esperança de algum dia mudar de vida - para enriquecer-se. 

Existem algumas loterias na internet baseadas no Bitcoin que são bem mais transparentes. A que já cheguei usar é a BitPlay. O algorítimo que eles utilizam para selecionar os números baseia-se na Blockchain do Bitcoin e é comprovadamente aleatório - o código pode ser lido por qualquer um e em todos os sorteios os hash usados são especificados.


De fato os prêmios são muiiito inferiores comparando-os com os da Mega-Sena, no entanto convém lembrar que as chances de ganhar - apostando os seis números - é muito maior na loteria do BitPlay.club sendo que os números disponíveis vão de 1 a 45, apenas. 

Pra apostar no site é muito simples. Basta depositar a quantia em Bitcoin no site indo em (depósitos) e após ter a transação aprovada e fundos creditados, basta fazer o jogo. Caso ganhe, eles depositam a quantia automaticamente na carteira de Bitcoin que é associada à conta - para retirar os fundos basta especificar o endereço da carteira, como em uma exchange comum. 

Valeu pessoal, até a próxima
Compartilhe: